:: Visite a Bahia ::
     
     
Quarta, 29/03/2017 - Hoje é dia de Iansã - Oiá ( Santa Bárbara) Deusa dos ventos e tempestades. Contas vermelho caboclo.
Documento sem título
Destinos
Costa do Dendê
Baía de Camamú
Boipeba
Cairú
Camamú
Igrapiúna
Ituberá
Maraú
Morro de São Paulo
Nilo Peçanha
Taperoá
Valença

 
Previsão do tempo:
Morro de São Paulo e região


Veja Previsão do Tempo
individual em cada cidade.

 
 
 
 
Ituberá
 
 
 
 

Encravada entre as encostas íngremes e os grandes manguezais do Canal do Serinhaém, cortada ao meio pelo Rio Santarém, Ituberá é uma cidade importante para a região do baixo sul do Estado. Num dos trechos do Rio dos Cágados, na área urbana, fica a Cachoeira de Castro Alves.
O píer de atracação no Canal de Serinhaém tem saídas para alguns povoados ribeirinhos, além de uma pista de pouso. A Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, datada da primeira metade do século XIX, é um belo monumento, ao qual se tem acesso por uma longa escadaria. A torre sineira tem terminação em bulbo bizantino, revestida de pastilhas.
Construída em meados do século XVIII, a Igreja de Santo André também se destaca na paisagem urbana. Ela foi erguida em homenagem ao padroeiro da cidade e fica no alto, permitindo uma visão panorâmica da cidade. No local é realizada uma festa regional em homenagem ao padroeiro, com barracas armadas para a venda de comestíveis.
As ruínas de engenhos e a forte presença da cultura negra evidenciam a importância da cana-de-açúcar em tempos coloniais. Não por acaso, portanto, há no município comunidades remanescentes de quilombos (Ingeria e Lagoa Santa). Em 1909, a Vila de Santarém foi elevada à categoria de cidade. Em 1943, seu nome mudou para Serinhaém e, em 1944, passou a se chamar Ituberá.

 
 
 

Menu Destinos l Voltar página anterior l Imprimir l

 
 
 
Pesquisa personalizada
SHOPPINGVISITEABAHIA
Documento sem título
 

Copyright 2004 -VisiteaBahia.com.br

Todos os direitos reservados à visiteabahia.com.br * É totalmente proibida a cópia total ou parcial desse site.