:: Visite a Bahia ::
     
     
Domingo, 28/05/2017 - Hoje é dia de Ibejis (São Cosme e Damião) Entidades que se apresentam de maneira infantil.
Documento sem título
Destinos
Costa do Dendê
Baía de Camamú
Boipeba
Cairú
Camamú
Igrapiúna
Ituberá
Maraú
Morro de São Paulo
Nilo Peçanha
Taperoá
Valença

 
Previsão do tempo:
Morro de São Paulo e região


Veja Previsão do Tempo
individual em cada cidade.

 
 
 
 
Ituberá
 
 
 
 

Encravada entre as encostas íngremes e os grandes manguezais do Canal do Serinhaém, cortada ao meio pelo Rio Santarém, Ituberá é uma cidade importante para a região do baixo sul do Estado. Num dos trechos do Rio dos Cágados, na área urbana, fica a Cachoeira de Castro Alves.
O píer de atracação no Canal de Serinhaém tem saídas para alguns povoados ribeirinhos, além de uma pista de pouso. A Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, datada da primeira metade do século XIX, é um belo monumento, ao qual se tem acesso por uma longa escadaria. A torre sineira tem terminação em bulbo bizantino, revestida de pastilhas.
Construída em meados do século XVIII, a Igreja de Santo André também se destaca na paisagem urbana. Ela foi erguida em homenagem ao padroeiro da cidade e fica no alto, permitindo uma visão panorâmica da cidade. No local é realizada uma festa regional em homenagem ao padroeiro, com barracas armadas para a venda de comestíveis.
As ruínas de engenhos e a forte presença da cultura negra evidenciam a importância da cana-de-açúcar em tempos coloniais. Não por acaso, portanto, há no município comunidades remanescentes de quilombos (Ingeria e Lagoa Santa). Em 1909, a Vila de Santarém foi elevada à categoria de cidade. Em 1943, seu nome mudou para Serinhaém e, em 1944, passou a se chamar Ituberá.

 
 
 

Menu Destinos l Voltar página anterior l Imprimir l

 
 
 
Pesquisa personalizada
SHOPPINGVISITEABAHIA
Documento sem título
 

Copyright 2004 -VisiteaBahia.com.br

Todos os direitos reservados à visiteabahia.com.br * É totalmente proibida a cópia total ou parcial desse site.